Prefeitura inicia requalificação das escolas municipais de Cardeal da Silva

Publicado em Categorias: Notícias

Mais de 2 milhões de reais serão investidos na modernização das unidades escolares

Imagina um lugar onde é possível aprender brincando e utilizando ferramentas tecnológicas de ponta. Onde as crianças podem participar de oficinas de artes em geral, de diversas modalidades esportivas, de laboratórios de informática e estudar para o futuro profissional. Tudo isso com segurança, em uma estrutura de multiuso com direito a refeição, orientação e acolhimento de uma equipe multidisciplinar. Esses locais existem e não são escolas privadas. Trata-se da revolução que a Prefeitura Municipal de Cardeal da Silva está fazendo na educação.

As quatro escolas municipais Menandro Minahim, Cristo Rei, Santa Rita de Cássia e José Osete de Carvalho estão em obras de requalificação para atender cada vez melhor a comunidade escolar com requisitos para proporcionar um ambiente agradável de aprendizagem. Situados em pontos estratégicos da cidade, as unidades escolares vão contemplar um novo tempo mais inclusivo e digno para mais de 1,3 mil alunos cardinalenses.

O prefeito Branco Sales (PP) salienta a necessidade de investimento para marcar essas modificações, no total, a gestão municipal vai aplicar mais de R$ 2 milhões nas infraestruturas dessas escolas. “Não mediremos esforços para criar novos espaços para o ensino em Cardeal, toda essa mobilização vai beneficiar diversas gerações. Entendemos que um ambiente escolar sadio influencia diretamente na perspectiva da formação daquele cidadão, além do núcleo familiar que vai se orgulhar da educação efetiva e racional que confia para seus filhos”.

Sales ressalta ainda que uma obra desse porte só revela que as finanças da cidade estão organizadas. “Isso é um reflexo de que a verba arrecadada para os filhos da terra, nada mais é revertida em obras que vão impactar diretamente na mudança de vida da população. Espaços atrativos vão estimular ainda mais o estudo, especialmente, após um momento de crise sanitária durante a pandemia, que mexeu com a autoestima dos alunos por ficar tanto tempo longe desses locais democráticos”.

O equipamento conta ainda com espaços multiusos, rampas para acessibilidade, espaço para recreação e interação entre os alunos, casa de lixo, depósito para armazenamento adequado de alimentação e estruturas administrativas, bem como pedagógicas.

A titular da pasta da Educação, Janice Ferreira, responsável por ajustar todos os detalhes que vão contemplar essa nova fase para o ensino no município, ressalta que é dever da máquina pública garantir todos os recursos para a educação, a ponta inicial para levar o desenvolvimento de qualquer cidade. “Daqui sairão professores, engenheiros, médicos, enfermeiros e tantos outros profissionais com a base de qualificação com excelência. Esses anos de estudos por aqui ficarão na memória dos alunos para toda a vida, portanto, a gestão protege esse futuro desde cedo com o respaldo acadêmico de qualidade”.